Proposta defendida por Flávio Moreno de redução de combustível pode ser implementada pelo Governo Bolsonaro

A medida faz parte de plano apoiado pela ANP para reduzir impacto do combustível no bolso do consumidor e é defendida por Flávio Moreno, Presidente do PSL Alagoas.

Governo quer permitir venda direta de etanol pelas usinas para os postos para tentar reduzir o preço final eliminando a distribuição.

No dia 23 de abril, Flávio Moreno encaminhou ao Presidente Bolsonaro, um Plano de Redução para combustíveis, gás e energia. Dentre as medidas propostas foi a quebra do monopólio das distribuidoras. A venda direta elimina o atravessador.

O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) , formado por ministros de Estado, se reúne nesta terça-feira para avaliar a possibilidade de autorizar a venda direta de etanol pelos produtores para os postos de combustíveis, entre outras medidas relacionadas ao setor. Essa autorização, que elimina os distribuidores da cadeia do etanol, faz parte de u m plano do governo federal para aumentar a concorrência na área de combustíveis e, dessa forma, reduzir os preços ao consumidor final.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here